Vale a pena estudar Educação Física a distância?

Nos dias de hoje, não tem jeito, a modalidade mais buscada, difundida, e que tem conquistado cada vez mais a confiança de quem sonha conquistar um diploma de nível superior, é o EAD. Mas claro, mesmo já sendo amplamente reconhecida, ainda é normal que algumas pessoas tenham dúvidas relacionadas a esse tipo de ensino, inclusive quando se trata do curso de Educação Física a distância, que é uma das graduações que mais tem conquistado matrículas nesses últimos anos.

Ter essas dúvidas, acredite, é muito natural, afinal de contas, não faz muito tempo, a ideia de estudar e, principalmente, se formar, em algum lugar que não fosse o interior de uma sala de aula. Porém, fica óbvio que isso faz totalmente parte do passado. Passado esse cujas chances de ser retomado são extremamente remotas.

É possível afirmar que o número daqueles que se formam em uma faculdade EAD, se já não forem superior aos que conquistam o diploma presencialmente, está muito próximo de ser, e quando falamos isso não nos limitamos apenas ao curso de Educação Física, mas a muitos outros como Administração, Marketing, Pedagogia, Letras, Gestão Pública, entre outros. E pode ter certeza que todos esses profissionais encontraram um mercado de trabalho amplamente receptivo e com excelentes oportunidades.

Bom, mas o que te trouxe aqui foi saber se fazer uma faculdade de Educação Física a distância vale a pena, e é exatamente sobre isso que falaremos no decorrer do texto, contando o que você precisa saber sobre o curso propriamente dito, o mercado de trabalho, enfim.

Duração e Grade Curricular da Educação Física a distância

Para começar a falar sobre como é um curso de Educação Física a distância, nada melhor do que informarmos sobre qual a duração mínima que ele deve ter, no caso, quatro anos. É importante citarmos, pois ainda existem instituições de ensino que insistem em oferecer formação em menos de 48 meses, para assim tentar atrair alunos, mas não caia nessa armadilha, de acordo com determinação do Ministério da Educação (MEC), essa é uma prática ilegal que, inclusive, faz com que o diploma não tenha validade.

Agora vamos a outro ponto essencial a ser conhecido por aqueles que pretendem ingressar em um curso de Licenciatura em Educação Física EAD, a grade curricular. Ela é composta por uma série de disciplinas que serão fundamentais no decorrer da graduação, mas acima de tudo, durante sua carreira. São elas:

1º Semestre

  • História da Educação
  • Prática Textual em Língua Portuguesa
  • Formação Docente para a Diversidade
  • Filosofia da Educação
  • Libras – Língua Brasileira de Sinais
  • Sociologia da Educação

2º Semestre

  • Introdução à Educação Física
  • Psicologia da Educação
  • Políticas Educacionais e Organização da Educação Básica
  • Didática
  • Educação Ambiental
  • Fundamentos de Citologia e Histologia

3º Semestre

  • Currículo e Planejamento na Educação Básica
  • Fundamentos da Educação Especial e Inclusiva
  • Educação e Ludicidade
  • Anatomia e Fisiologia Humanas
  • Recreação e Lazer

4º Semestre

  • Fisiologia do Exercício e do Esporte
  • Metodologia da Educação Física Escolar
  • Metodologia do Ensino de Ginástica
  • Metodologia do Ensino de Atletismo
  • Direitos Humanos e Relações Étnico-Raciais
  • Psicomotricidade no Contexto Escolar

5º Semestre

  • Metodologia do Ensino de Voleibol
  • Jogos, Brinquedos e Brincadeiras na Educação Física
  • Prevenção de Acidentes e Socorros de Urgência no Ambiente Escolar
  • Transversalidade na Educação
  • Metodologia do Ensino de Futebol e Futsal

6º Semestre

  • Metodologia do Ensino de Lutas
  • Metodologia do Ensino de Basquetebol
  • Promoção da Saúde na Escola
  • Avaliação da Aprendizagem

7º Semestre

  • Metodologia do Ensino de Handebol
  • Metodologia do Ensino de Atividades Aquáticas
  • Gestão Educacional
  • Direitos Educacionais de Crianças e Adolescentes

8º Semestre

  • Atividades Rítmicas e Dança
  • Métodos e Técnicas de Pesquisa
  • Tópicos Especiais
  • Educação Física Adaptada

Durante o curso de Educação Física, além de ser aprovado nas provas referentes a cada uma das disciplinas citadas acima, é necessário ainda realizar Atividades Complementares (que podem ser feitas já a partir do primeiro módulo), Práticas Pedagógicas (em todos os semestres), fazer Estágio Supervisionado em Ensino Fundamental (no 5º semestre) e em Ensino Médio e Gestão Escolar (no 7º semestre), e claro, no último semestre produzir o Trabalho de Conclusão de Curso.

Mercado de Trabalho

Quem faz uma faculdade de Educação Física EAD precisa saber que essa é uma disciplina considerada obrigatória em todas as escolas do nosso país, pois ela proporciona aos alunos uma qualidade de vida melhor, auxiliar no desenvolvimento cognitivo, e colabora de maneira bastante significativa para a prevenção de doenças cardiovasculares, obesidade, hipertensão, entre tantas outras que infelizmente têm acometido cada vez mais as crianças e adolescentes.

Você a essa altura já deve ter entendido o motivo de trazermos a informação acima, certo? Claro, pois uma vez que a Educação Física deve ser lecionada em qualquer uma das milhões de escolas existentes no Brasil, consequentemente, são necessários milhões de profissionais para darem essas aulas. Portanto, sim, a quantidade de oportunidades é muito grande, não a toa trata-se de uma das áreas que mais emprega.

Mas não pense que as vagas concentram-se apenas em instituições de ensino, muito pelo contrário, é possível atuar ainda em escolinhas de modalidades esportivas específicas, como de futebol, basquete, vôlei, ginástica, handebol, natação, e várias outras.

E mais, quem conquista um diploma em um curso a distância de Educação Física não necessariamente precisa trabalhar como professor, há também um outro segmento bastante procurado: o de pesquisador. Nesse caso, o profissional poderá atuar em instituições de pesquisa, universidades, ou onde mais essa função seja requerida, colaborando assim para novas descobertas que levem ao aperfeiçoamento.

Por fim, mas obviamente que não menos importante, não podemos esquecer que esses profissionais também podem participar de concursos públicos, que costumam oferecer grande quantidade de vagas em órgãos como Prefeituras, Câmaras, Institutos Federais, e claro, os Conselhos Regionais e Federais de Educação Física.

E então, contando mais sobre o curso, a profissão e o mercado de trabalho conseguimos te provar que vale a pena estudar Educação Física a distância? Agora é com você! Faça sua matrícula na melhor faculdade EAD, inicie seu aprendizado e num futuro muito próximo torne-se um dos mais capacitados profissionais da área, levando não apenas ensinamento, mas qualidade de vida a todos os seus alunos.

Bons estudos!

Deixe seu Comentário